Menu Fechar

Cuidados pós-cirúrgicos – Cirurgia Conservadora da Mama

Após a alta hospitalar é essencial termos vários cuidados pós-cirúrgicos, quer na mama mas também para para quem realizou esvaziamento axilar

Cirurgia Conservadora da mama recuperação

Dreno cirurgia à mama

Por vezes até me esquecia que andava com uma “cauda”. O dreno é importante para ser feita a drenagem de líquidos e sangue acumulados no corpo. Por tal é essencial o dreno andar junto ao corpo, pois ao arrastar, este pode perder força e assim não estar a fazer o seu propósito.

Dreno como cuidar? 

Em casa colocava o dreno numa mala de cintura ou então nos bolsos do roupão. Para sair, colocava o dreno numa saca de cartão e transportava na mão que não foi operada.

Dado o dreno servir para recolher o líquido expulso pelo corpo, é importante que o tubo esteja sempre num nível inferior ao nosso braço.

Assim como, ter algum cuidado com este tubo, para não o obstruir de modo a que possa desempenhar a sua função convenientemente. 

Dreno SOS

O dreno tem uma espécie de apito (a fazer lembrar uma panela pressão), que era de cor verde. Se este tubo subir bastante significa que já não está a fazer o seu efeito e é necessário trocar de dreno.

Recuperação de cirurgia de mama

Como despir a roupa após esvaziamento axilar?

Nos primeiros tempos andei apenas com camisas, nas primeiras 2 semanas foi-me mesmo impossível vestir uma camisola ou tshirt. Mas com qualquer peça de roupa, ao vestir, é importante começar pelo lado operado, tendo o outro como ajudante. Para despir, deve acontecer o contrário, ou seja, começar a despir pelo lado bom e deixar o braço do lado operado para último.

Como tratar cicatrizes pós-cirurgia?

Pomada cicatrização cirurgia

A pomada Cicalfate (Avène) é adorada pelos profissionais de enfermagem. É utilizada nas queimaduras, nas nódoas negras e nas….cicatrizes.

Assim, foi-me recomendado colocar todos os dias esta pomada, 2 vezes por dia, quer na axila, quer na mama.

Massagem suave

Inicialmente comecei por fazer uma massagem suave, quer na mama, quer na axila.

Massagem terapêutica (com pressão)

Contudo, mais à frente foi-me indicado, pela enfermeira, iniciar a massagem terapêutica.

A enfermeira demonstrou como deveria fazer, mas consiste praticamente em realizar a massagem com movimentos fortes – massagem de fricção.

Com esta prática é normal sentirmos bastantes dores. Mas de facto a zona da mama e axila estava muito dura, e esta massagem era fundamental, até para não acumular liquido.

Artigo: Dores após cirurgia à mama

Quantas pomadas comprei?

A pomada Avène Cicalfate não é propriamente barata, mas tem o ponto positivo de gastar pouco. Por tal, dura por bastante tempo.

Colocando duas vezes por dia, durante 2 meses (desde a cirurgia até ao início da radioterapia), gastei cerca de 3/4 embalagens

Considero que este investimento tenha sido muito positivo, pois a mama e a cicatriz do esvaziamento axilar progrediram num sentido favorável.

Como evitar trombose pós-cirurgia

Apesar de não ter ficado muito tempo na cama, qualquer cirurgia aumenta o risco de trombose. Todavia, este período de descanso é ainda superior nas mulheres que realizam mastectomia. Sendo por isso essencial ter alguns cuidados para evitar trombose após cirurgia

Injeção coágulos

Na alta do internamento foi-me indicado continuar a tomar as injecções que iniciei algumas horas após a cirurgia. Esta injecção (Lovenox) tem como propósito impedir a formação de coágulos sanguíneos.

Assim, durante 2 semanas, sempre à mesma hora, administrava esta injeção. Esta administração não doía muito, contudo, nos minutos seguintes sentia um ardor.

Estas injeções contem ar, então para não me doer tanto, primeiro batia na injecção e removia esse ar. (Conhecimentos aprendidos durante o ciclo de estimulação ovárica).

Outros cuidados para evitar trombose 

Outras medidas podem ser a realização de pequenas caminhadas. Ou ainda mexer os pés e pernas, com alguma frequência, mesmo deitada. 

Retirar o dreno

Retirar o dreno não é algo indolor, todavia, é uma dor muito breve. A enfermeira teve o cuidado de indicar-me o que deveria fazer (momentos em que devia respirar) para não sentir tanto incómodo.

Esvaziamento axilar linfedema 

Drenagem linfática braço

Como tinha pesquisado, questionei sobre a possibilidade de realizar drenagem linfática manual braço operado, tendo a enfermeira indicado que tal seria bastante positivo, tendo demonstrado como fazer.

Contudo, e sendo esta técnica a mais utilizada para prevenir linfedema (inchaço no braço), nem em todos os casos é positiva, por isso questione o seu profissional de saúde antes de realizar drenagem linfática.

Acumulação de líquido

Nas duas consultas de enfermagem após ter sido removido o dreno fui sentindo um ligeiro papo na axila, e isto era a acumulação de líquido. Nestas situações o líquido é retirado com uma agulha, em que quase não se sente nada. Mas com as massagens terapêuticas (forte pressão) esta situação foi resolvida.

Cicatrizes ao ar livre (acelerar processo de cicatrização)

Em determinada altura foi-me dada a indicação de ser conveniente andar com as feridas ao ar livre (e não com as compressas).

No sentido de as mesmas cicratizarem mais depressa; primeiramente, a ferida do esvaziamento axilar e mais tarde a da mama.

Após esvaziamento axillar máximo descanso do braço operado no 1.º mês

Relembrar ainda que é extremamente importante não realizar tarefas repetitivas ou com pesos com o braço operado durante, pelo menos, no 1.º mês. Sendo necessário também cuidados com o outro braço, pelo menos até tirar os pontos.

Neste período é também importante não conduzir. Mesmo após 1 mês da cirurgia, momento que retomei a condução, senti alguma dificuldade em determinadas manobras, mas com o tempo passou.

Artigo: Esvaziamento axilar cuidados

Contudo, assim que for aconselhado é muito importante realizar exercícios específicos ao braço operado. Esta prática ajudará a recuperar a mobilidade do braço, mas também a sua força e com isto diminuir as dores.

Pontos cirúrgicos

A enfermeira chamou-me à atenção dos pontos em que, principalmente, nas extremidades da cicatriz do esvaziamento axilar via-se um fio (parecia quase um fio de pesca) a sair, o que é normal.

Assim, tirar os pontos foi praticamente puxar e cortar esses fios. De facto, numa das extremidades dava a ideia de estar aberta (lado direito da imagem). Mas apenas ainda não tinha fechado por completo. Tendo apenas de ter o cuidado de colocar bastante pomada Cicalfate neste local.

Em princípio, a partir desta data é possível e aconselhável realizar exercícios ao braço operado, contudo questione sempre o seu profissional de saúde.

Artigo: Esvaziamento axilar exercicios

Mala 

É aconselhável carregar a mala do lado que não foi operado.

Depois da operação quantas vezes se vai à enfermagem?

Cada caso é um caso, mas fui a enfermagem no dia da alta do internamento. Depois durante 2 semanas tive que regressar umas 3/4 vezes, pois estava a acumular líquido no braço.

Mas passados 15 dias de ter sido operada, dia que tive também a consulta pós-cirurgia, tive alta da parte da equipa de enfermagem.

Porém, é fulcral continuarmos quer com os exercícios de reabilitação, e com as massagens terapêuticas. De modo, a pele encontra-se hidratada para o ínicio da radioterapia.

Posted in cirurgia, esvaziamento axilar, recuperação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.